Deus

Imagem

Se deus existisse como muitos imaginam, não se importaria em ver a primeira letra do seu nome grafada em minúscula, contrariando a regra há muito determinada em algum conclave de revisores tementes como erro desrespeitoso. Ele – e a maiúscula deve-se aqui ao lugar que ocupa a palavra no início da frase –, oniscientemente relevaria a existência de lascas de desrespeito hierárquico na intenção do redator, pois além de escrever por linhas tortas e ao contrário da maioria analfabeta funcional, deus leria à perfeição as entrelinhas. Sem contar que, em seu anarquismo, repudiaria regras. Logo, não haveria motivo em castigar sua criação (expediente, aliás, exclusivamente humano).

Habitasse o onipresente cada fenda no solo desse mundão velho e sem porteira e com cada vez menos vegetação, e não restaria pedra sobre pedra na estrutura das igrejas onde o amor ao próximo não se sustenta sem o arrimo do dízimo. Seria também questionada em juízo (divino) a legitimidade das procurações de que se valem incontáveis destas instituições nas guerras santas (se é que eventos bélicos suportam a blindagem de inocência desse gênero de adjunto) travadas em seu nome. Mercadores da fé, estes seres abjetos que vivem de explorar a miséria existencial alheia, entrariam em combustão espontânea.

Dogmas e práticas sadomasoquistas quais pecado, penitência ou quejandos não se coadunam à ideia de um pai maior, todo bondade e compaixão, qualidades pressupostas dos caráteres superiores. Se deus é amor, seria antes de tudo prazer. Riso. Leveza em que pesar algum teria cabimento (deus é humor). Dispensável discutir a autoria dos livros ditos sagrados, posto que mãos humanas os urdiram em conjunto a suas imaginações, preconceitos, interesses e necessidades do momento.

Agnósticos retrucam que por não ter cor, gênero, tamanho ou potência calculáveis pela métrica humana estaria deus fora do alcance tanto da moral quando da ciência. E que o reino de sua ética é bem lá de outro mundo e que, portanto, as razões dele seriam ainda mais inextricáveis que as do coração humano frente aos limites da razão.

Deus é mais, afirmam. Vá com deus, desejam. Fique com deus, despedem-se. Deus tá vendo, advertem. Deus te proteja e te guie e te oriente, sugerem, pois maiores são os poderes dele, louvam.

Se deus existisse como muitos imaginam, não precisaríamos criá-lo à nossa imagem e semelhança.